Detido jovem envolvido em decapitação na capital

22/11/2017

ADOLESCENTE DE 16 ANOS E COM 72 REGISTROS DE BOLETINS DE OCORRÊNCIA FOI APREENDIDO ONTEM.


O adolescente de 16 nos, envolvido no brutal assassinato de Luiz Felipe Mazzucco da Silva, 19, decapitado na comunidade Chico Mendes, em Florianópolis, na noite de 12 de novembro, foi localizado e apreendido pel polícia. O crime foi filmado e viralizado na internet. Antes de executar Felipe, o "criminoso mirim" e seus comparsas amarraram os tornozelos da vítima e o obrigaram a caminhar de joelhos na lajota, depois desferiram vários tiros de calibre 12mm, até a cabeça ser separada do corpo.

Segundo o delegado da 6ª Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, á Mulher e ao Idoso da Capital, Paulo Caixet Braga Júnior, o adolescente possui 72 registros de boletins de ocorrência por tráfico de entorpecentes, ameaça e porte ilegal de arma de fogo. Todos os crimes foram praticados em Florianópolis, São José, Biguaçú, Palhoça e Tubarão. O menor negou a participação no assassinato, apesar de ele aparecer no vídeo e não revelou nenhum nome de mais algum envolvido.

"Havia uns três ou quatro jovens na cena do crime", disse o delegado. Ele disse que as investigações prosseguirão até que os demais envolvidos na barbárie sejam devidamente identificados e presos. O adolescente em conflito com a lei está detido em local incerto, aguardando vaga no Case (Centro de Atendimento Socioeducativo) da Grande Florianópolis. 

Na última segunda-feira, 237 agentes de segurança socioeducativos, aprovados em concurso público, receberam o certificado do Curso de Formação. A Secretaria da Justiça e Cidadania, no entanto, ainda não definiu quando os agentes começarão a trabalhar. Enquanto isso, adolescentes em conflito com a lei continuam nas ruas.